Pesquisar este blog

Importante

Leiam o último recado postado.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace

Escrito por Jack Kerouace e lançado em 1957, sendo sua obra-prima. O livro é um dos principais expoentes da geração beat dos Estados Unidos, famoso movimento de caráter artístico e social dos anos 50, sendo uma grande influência para a juventude dos anos 60, que colocava a mochila nas costas e botava o pé na estrada.
A história é narrada por Sal Paradise, que junto com Dean Moriarty cruzam os Estados Unidos de carro,  empreenderando numa viagem que todos os jovens um dia sonharam em fazer, repleta de garotas, bebidas e, acima de tudo, liberdade. Ao contar a história de como os dois amigos atravessaram os Estados Unidos, Kerouac inaugurou um novo tipo de prosa, que funciona como uma trilha sonora interna ao livro, que vai se desprendendo das palavras, das frases, dos blocos de texto. Essa escrita que tem o ritmo das ruas une a realidade ao sonho, transformando o que era uma viagem em uma busca espiritual.

 
O livro foi adaptado em 2012 aos cinemas pelo diretor Walter Salles, vejam o trailler do filme.




Link para dawnload: http://minus.com/lbiC0GHm1kevMc
 
Livro The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace pdf; Livro The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace baixar; Livro The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace download; Baixar The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace livro pdf; Download The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace Livro ; pdf  The on road - Pé na estrata_Jack Kerouace livro;

terça-feira, 13 de novembro de 2012

Laranja Mecânica


Laranja Mecânica


_ A Clockwork Orange, no original, o título provém de uma expressão anglo-saxã "As queer as a clockwork orange", ou, em uma tradução simplificada, "Tão bizarro quanto uma laranja mecânica".
É um livro de Anthony Burgess escrito em 1962. A Laranja Mecânica, é um relato autobiográfico de Alex, um jovem inteligente, admirador de Beethoven, sexo, drogas e ultraviolência. Na luta constante para afirmar sua individualidade, das piores maneiras possíveis.Contra uma sociedade hipócrita, que longe de conseguir resolver suas contradições, se utiliza de métodos repressivos como se pudesse extirpar o "mal", ignorando que esse é inerente ao homem.

"Mais ainda, a ruindade faz parte do ser, do eu, tanto em mim quanto em vocês no odinoque, e este eu é feito por Bog, ou Deus, e é o seu grande orgulho e radoste. Mas o não-ser não pode aceitar o mal, quer dizer, os do governo, os juizes e os colégios não podem permitir o mal porque não podem permitir a individualidade. E não é a nossa História moderna, meus irmãos, a história de bravas individualidades malenques lutando contra essas máquinas enormes? Quanto a isto, meus irmãos, eu estou falando com toda a seriedade. Mas, o que faço, faço porque gosto."

Mesmo Escrito em 1962, notaram alguma diferença com a realidade? Pelo seu conteúdo critico e "profético" da sociedade moderna, Antonhy Burguess, com certeza está no mesmo nível de importância para literatura quanto George Orwell e Aldous Huxley, que provavelmente foram autores que lhe inspiraram. Nascido na Inglaterra em 1917, lutou na 2º Guerra Mundial, o que lhe deu uma boa idéia da brutalidade e selvageria que o homem pode chegar e todas as medidas repressivas e totalitárias que podem vir agregadas em utopias de mundos justos e igualitários.



O livro foi adaptado aos cinemas por Stanley Kubrick em 1971 vejam o video que é o inicio do filme.


Link para Dawnload:
http://filosofianreapucarana.pbworks.com/f/Anthony+Burgess+-+Laranja+mecanica.pdf


quinta-feira, 8 de novembro de 2012

A Arte da Guerra_Sun Tzu


É um tratado militar escrito durante o século IV a.C. pelo estrategista conhecido como Sun Tzu. O tratado é composto por treze capítulos, cada qual abordando um aspecto da estratégia de guerra, de modo a compor um panorama de todos os eventos e estratégias que devem ser abordados em um combate racional.

"Diz-se, pois se conheces o inimigo e conheces a ti mesmo, tua vitória não será posta em risco. Se conheces o céu e conheces a Terra, tua vitória pode ser plena.”(Sun Tzu)

Hoje, A Arte da Guerra parece destinado a secundar outra guerra: a das empresas no mundo dos negócios. Assim, o livro migrou das estantes dos estrategistas para as do economista e do administrador




quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Outono da Inocência - O Corpo_Stephen King


Um  conto de Stephen King presente no livro As Quatro Estações.
O conto narrado em primeira pessoa, por Gordie, descrevendo a  amizade de quatro amigos e suas descobertas, da passagem da juventude para a maturidade, utilizando-se das reações de um grupo de adolescentes confrontados com a morte ao se verem diante de um cadáver.
"As coisas mais importantes são as mais difíceis de expressar. São coisas das quais você se envergonha, pois as palavras as diminuem - as palavras reduzem as coisas que pareciam ilimitáveis quando estavam dentro de você à mera dimensão normal quando são reveladas".(pag.3)


O conto foi adaptado aos cinemas em 1886 com o titulo "Stand by me", por causa da música de B. B. King, e no Brasil recebeu o titulo de "Conta comigo". vejam a parte final do filme.


 

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Dexter_A mão esquerda de Deus


O primeiro livro da série Dexter  escrito por Jeff Lindsay. O livro é narrado em primeira pessoa por Dexter Morgan um perito criminal da policia de Miami, um homem educado, um bom irmão para Debra (Deborah), mas que na verdade é um serial killer, que só mata criminosos, matar criminosos faz parte do "Código" criado por seu pai adotivo. Logo Dexter depara-se com um concorrente de estilo semelhante ao seu, encanta-se e incomoda-se com ele, prevê os passos do criminoso.
Dexter é um psicopata, é incapaz de sentir emoções, mas se podesse sentir algo por alguém seria por Deborah:


"Ninguém gosta de mim,nem jamais gostará. Nem mesmo, principalmente,eu. Sei o que sou e isso não é coisa para ninguém gostar. Sou sozinho no mundo, completamente só, a única pessoa que tenho é a Deborah. E, claro, a Coisa dentro,que não da as caras toda hora para brincar. E que na verdade não brinca comigo, tem que ter mais outra na jogada. Portanto, eu gosto da querida Deborah como posso. Não deve ser amor, mas fico contente quando ela está feliz."(pag.20)




Vejam esse video da série Dexter baseada nos livros de Jeff Lindsay

 

 
 
dexter a mão esquerda de deus pdf; dexter a mão esquerda de deus pdf download; dexter a mão esquerda de deus baixar pdf; dexter a mão esquerda de deus baixar livro; dexter a mão esquerda de deus livro download


                                  

terça-feira, 23 de outubro de 2012

1984_George Orwell


Você já imaginou como seria o mundo se todos fossem vigiados_até nos pensamentos_ e só houvesse um governate que era amados por todos?
O livro 1984 é escrito por George Orwell, psedônimo de Eric Arthur Blair, publicado em inglês com o título Nineteen Eighty-Four em 8 de Junho de 1949. O título vem da inversão do dois últimos dígitos do ano em que o livro foi  esrito 1948.
Narrado em terceira pessoa, o livro conta a história de Winston Smith, membro do partido externo, funcionário do Ministério da Verdade. A função de Winston é reescrever e alterar dados de acordo com o interesse do Partido. Nada muito diferente de um jornalista ou um historiador. Winston questiona a opressão que o Partido exercia nos cidadãos. Se alguém pensasse diferente, cometia crimidéia (crime de idéia em novilíngua) e fatalmente seria capturado pela Polícia do Pensamento e era vaporizado.
Nesse livro temos um figura marcante chamada BIG BROTHER (grande irmão), um lider que é amado ao mesmo tempo  temido, por todos os lugares existem cartazes com o seu rostos:


( Grande Irmão estar vendo você)
O livro foi adaptado  duas vezes em filme em 1956 por Michael Anderson e em 1984 por Michael Radford. O filme abaixo é o de 1956 do diretor Michael Andersen.




 
Livro 1984_George Orwell pdf; Livro 1984_George Orwell download; Livro 1984_George Orwell baixar; pdf 1984_George Orwell livro; Baixar 1984_George Orwell pdf livro; Download 1984_George Orwell livro pdf;

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

Os sofrimentos do jovem Werther_ Goethe

A triste história  de Werther que se apaixona pela bela Charlotte, que estar noiva de Albert. Conhecemos sua história atráves das cartas que Werther escreve para o seu Wilhelm. Seu amor não é correspondido e por isso sofre, tudo perdeu o seu sentido, o sentido da sua vida é Charlotte.
O impacto dessa obra foi tão hrande que na época ocorreu, na Europa, uma onda de suicídios, de tão profundo que Goethe fora em suas palavras.
O livro tem aspectos auto-biografico, o autor trocou os nomes dos personagem e dos lugares:
Em 1772, mudou-se para cidade de Wetzlar, a pedido do pai, vai   trabalhar na sede da corte da justiça imperial. Lá conheceu Charlotte Buff, noiva de seu colega Johann Christian Kestner, por quem se apaixonou. O escândalo dessa paixão obrigou-o a deixar Wetzlar. Um ano e meio depois, em 1774, Goethe publica Die Leiden des Jungen Werther (Os Sofrimentos do Jovem Werther).

"E a ti, homem bom, que sentes as mesmas angustias do desventurado Werther, possas tu encontrar alguma consolação em seus sofrimentos! Que este pequeno livro te seja um amigo, se a sorte ou a tua própria culpa não permitem que encontres outro mais à mão!"(Os sofrimentos do jovem Werther)

Links para Dawnload:


http://www.lendo.org/wp-content/uploads/2007/05/goethe_os_sofrimentos_do_jovem_werther.pdf


Os sofrimentos do jovem Werther pdf; Os sofrimentos do jovem Werther download pdf; Os sofrimentos do jovem Werther baixar livro; Os sofrimentos do jovem Werther livro pdf; Os sofrimentos do jovem Werther livro download; Os sofrimentos do jovem Werther download